Polícia de SP prende três no primeiro dia da Operação Divisa Estratégia visa combater a entrada de armas e drogas no estado. Trata-se de uma das ações da parceria firmada com o governo federal.

Posted On 20/11/2012

Filed under Uncategorized

Comments Dropped leave a response

Três pessoas foram presas e mais de 10 quilos de maconha apreendidos no primeiro dia da Operação Divisa, uma ação que busca combater a entrada de armas e drogas no estado. No total, 96 policiais militares rodoviários fizeram bloqueios em cinco estradas paulistas

Trata-se de uma das iniciativas do acordo de cooperação entre o governo estadual e o federal, firmado em 12 de novembro, após longa polêmica entre o secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto, e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, sobre uma suposta falta de ajuda a São Paulo no enfrentamento da onde de violência. Além do reforço do policiamento nas divisas, a parceria visa a troca de informações de inteligência entre os órgãos integrados e a transferência de presos para presídios federais.

saiba mais

De acordo com balanço divulgado nesta terça-feira (20) pela Secretaria da Segurança Pública de São Paulo, os policiais encontraram 10,4 quilos de maconha dentro de um ônibus que foi parado no km 648 da Rodovia Raposo Tavares, na altura do município de Presidente Epitácio. As drogas estavam em malas que pertenciam a um casal que veio do Mato Grosso do Sul com destino a Presidente Prudente. Eles foram presos em flagrante. Os nomes não foram divulgados.

Além deles, um foragido foi recapturado, 253 veículos foram vistoriados e 423 pessoas, abordadas. Segundo o governo do estado, a Polícia Militar montou cinco bloqueios com equipes de fiscalização em suas áreas de competência. Já a Polícia Civil reforçou os plantões das delegacias mais próximas às barreiras esquematizadas pela PM e poderá ainda destinar efetivo para os trabalhos de polícia judiciária no próprio local das blitze.

Acordo
A parceria entre o governo do estado e o federal saiu após intenso bate-boca. O secretário da Segurança Pública, Antonio Ferreira Pinto, afirmou que São Paulo pediu ajuda financeira ao Ministério da Justiça para ajudar a equipar a polícia paulista. Já o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que o ministério havia, sim, oferecido ajuda a São Paulo.

Para ler mais notícias do G1 São Paulo, clique em g1.globo.com/sp. Siga também o G1 São Paulo no Twitter e por RSS.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s